joaquim-barbosa-repudio-a-lula

O ministro Joaquim Barbosa deixará a presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) antes do previsto. De acordo com o senador Renan Calheiros, presidente do Congresso Nacional, o ministro, sem dizer data e nem detalhes, deve deixar a presidência da Suprema Corte no próximo mês. Se ele se aposentar antes do dia 05 de junho e se filiar a algum partido, pode ser candidato a qualquer cargo eletivo por ser membro da magistratura. Pela regra do Supremo, o próximo ministro a ocupar a presidência é Ricardo Lewandoswski. O mandato de Joaquim Barbosa terminaria em outubro deste ano.

Política 24 Horas