juniord

Aos 22 anos, Uldurico Júnior (PTC) foi eleito no domingo (05) o deputado federal mais jovem do país. Ele conquistou uma das 39 cadeiras da Bahia na Câmara dos Deputados ao somar 39.904 votos, de acordo com apurados pelo TSE. A nova bancada do PTC na Câmara também tem deputada federal mais jovem. Trata-se de Brunny, de 25 anos, eleita em Minas Gerais com 45.381 votos. ‘É um orgulho muito grande ter sido eleito e recebido a confiança do povo baiano, que acreditou em mim, apesar de tão jovem. Isso aumenta ainda mais meu compromisso em representar bem a Bahia na Câmara dos Deputados e honrar a tradição política de minha família em Brasília’, afirmou.

O jovem carrega uma forte tradição política nos dois sobrenomes – Alencar e Pinto. O avô materno, José Alencar Furtado, exerceu três mandatos de deputado federal pelo Paraná. O tio, Heitor Cavalcanti Alencar Furtado, foi eleito deputado federal em 1978, com apenas 22 anos. Em 1982, Heitor foi assassinado no decorrer da campanha a deputado estadual, aos 26 anos.

Outra influência política familiar foi o deputado federal Chico Pinto, também cassado durante a ditadura, que era casado com a tia materna de Uldurico Junior. Por parte de pai, os Pinto já imprimiram sua marca na história política da Bahia, com inúmeros mandatos de deputado estadual, federal e prefeito em vários municípios da região. Uldurico Junior é estudante universitário nos cursos de Agronomia, no qual passou em primeiro lugar no vestibular, e de Zootecnia. O jovem político decidiu dar uma pausa nos estudos a fim de se candidatar nessas eleições para garantir na Câmara Federal maior representatividade regional. A campanha de Júnior foi articulada e dirigida por seu pai Uldurico Pinto. (Da redação TN)